OMS: Mundo passa de 16 milhões de casos e 646 mil mortes por Covid-19

Ouça esta matéria, enquanto estiver em trânsito ou fazendo outra coisa!

VÍDEO

Enquanto os dirigentes de todos os países do mundo estão focados nas taxas de contaminação e mortes pelo Covid-19, o Brasil ocupa lugar de destaque no descontrole da pandemia, com o Ministério da Saúde não atendendo as necessidades do enfrentamento e combate ao vírus, destinando apenas um terço da verba disponível para este fim, completando com uma interinidade de ministro que não atende a “logística” da distribuição de remédios imprescindíveis para o tratamento, em falta num grande número dos hospitais.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) informa que o número de casos do novo coronavírus confirmados oficialmente ao redor do mundo subiu para 16.114.449. As informações foram baseadas em dados recebidos pela organização até as 5h (de Brasília) neste 27 de julho de 2020.

A taxa global de mortalidade dos casos confirmados de coronavírus, segundo dados disponíveis, é de 4,0%.

Segundo a OMS, os três países onde houve maior número de novos casos foram Estados Unidos (63.968), Brasil (51.147) e Índia (49.931). Neste mesmo intervalo de tempo, os que registraram o maior número de novas mortes foram:
Brasil (1.211), EUA (929) e México (729).

Os últimos dados oficiais

Américas: 8.610.134 (53,43%)
Europa: 3.234.043 (20,06%)
Região do Leste Mediterrâneo: 1.482.315 (9,19%)
Região Africana: 712.920 (4,42%)
Sudeste Asiático: 1.786.145 (11,08%)
Região do Oeste Pacífico: 288.151 (1,78%)
Outros: 741 (0,00%).

Segundo dados publicados pelo UOL, seguem alguns números, onde o relatório completo se encontra naquele portal de notícias.
Países com casos confirmados:

Estados Unidos – 4.148.011 casos, 145.727 mortes
Brasil – 2.394.513 casos, 86.449 mortes
Índia – 1.435.453 casos, 32.771 mortes
Rússia – 818.120 casos, 13.354 mortes
África do Sul – 445.433 casos, 6.769 mortes
México – 385.036 casos, 43.374 mortes
Peru – 379.884 casos, 18.030 mortes
Chile – 345.790 casos, 9.112 mortes
Reino Unido – 299.430 casos, 45.752 mortes
Irã – 291.172 casos, 15.700 mortes
Paquistão – 274.289 casos, 5.842 mortes
Espanha – 272.421 casos, 28.432 mortes
Arábia Saudita – 266.941 casos, 2.733 mortes
Itália – 246.118 casos, 35.107 mortes
Colômbia – 240.795 casos, 8.269 mortes
Turquia – 226.100 casos, 5.613 mortes
Bangladesh – 223.453 casos, 2.928 mortes
Alemanha – 205.609 casos, 9.118 mortes
França – 169.222 casos, 30.078 mortes
Argentina – 158.321 casos, 2.913 mortes
Canadá – 113.556 casos, 8.885 mortes
Iraque – 110.032 casos, 4.362 mortes
Catar – 109.305 casos, 165 mortes
Indonésia – 98.778 casos, 4.781 mortes
Egito – 92.062 casos, 4.606 mortes
China – 87.028 casos, 4.659 mortes
Cazaquistão – 83.122 casos, 585 mortes
Equador – 80.694 casos, 5.515 mortes
Filipinas – 80.448 casos, 1.932 mortes
Suécia – 78.997 casos, 5.697 mortes
Omã – 76.005 casos, 384 mortes
Bolívia – 68.281 casos, 2.535 mortes
Bielorrússia – 66.846 casos, 524 mortes
Bélgica – 65.933 casos, 9.821 mortes
Ucrânia – 65.656 casos, 1.616 mortes

(Trecho do conteúdo completo que pode ser acessado no portal UOL)
Este conteúdo foi gerado pelo sistema de produção automatizada de notícias do UOL e revisado pela redação antes de ser publicado.

Fonte: Portal UOL | OMS – Organização Mundial de Saúde

%d blogueiros gostam disto: