O Congresso Nacional age como quadrilha

Ouça esta matéria, enquanto estiver em trânsito ou em outra atividade.

Quanto mais nos informamos e clamamos  por mudança, menos o congresso ouve e menos ainda atende nossos clamores.

Nos últimos tempos, só para ilustrar, temos três casos que mostram, de forma cristalina, o descaso dessa gente para com a população.

Caso 1- Foro privilegiado que o presidente do congresso colocou a gorda bunda em cima e lá se mantém há mais de 600 dias.

Caso 2 – A mandante do assassinato do marido, segundo investigações, a deputada federal Flordelis, a qual a mesa diretora da Câmara Federal, recebeu o relatório do corregedor da Camara Paulo Bengtson, do PTB, onde recomenda que o processo seja levado ao Conselho de Ética, que deverá decidir pela cassação ou não do mandato da mesma, antes do caso ir para o plenário.

Dezenove dias sentados sobre o relatório de um caso gravíssimo.

Caso 3 – Senador flagrado com dinheiro na bunda, já é amplamente defendido pelos seus pares, ou seriam comparsas?

Resumindo, eles parecem estar lá neste congresso para defender uns aos outros e que se dane a nossa opinião ou necessidade.

Justiça e celeridade apenas contra os inimigos.

Aos amigos, a leniência, o compadrio, tal como o PCC ou CV fazem com os seus.

Quem aprendeu com quem a agir como quadrilheiro?

Ricardo Precioso
Colunista

%d blogueiros gostam disto: