Militares estão só esquentando o banco no Ministério da Saúde, diz Mandetta

SAÚDE –

“O governo federal se rendeu ao vírus, se entregou, e deixou o Brasil a reboque da doença” Mandetta

“A gente vai colocar todas essas histórias, alguns momentos dramáticos, coisas que ocorreram, mas é basicamente para deixar um registro para que a gente saiba com o Ministério da Saúde se posicionou enquanto eu estive ali naqueles 90 dias. Vai ter muito barulho”, alerta.

Mandetta não poupou o presidente Bolsonaro de críticas ácidas, apesar de não citar o nome do mandatário em nenhum momento. “O presidente tem um comportamento errático diante da crise de saúde. A história vai julgar melhor o presidente. Estará registrado e retratado, de uma maneira indelével, o papel do presidente neste processo”, disse.

O ex-ministro finaliza a entrevista anunciando que vai lançar em agosto, pela editora Companhia das Letras, um livro com as histórias de quando era ministro da Saúde.

O ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta participou de live da IstoÉ na noite da terça-feira, 28. Em entrevista ao diretor editorial Carlos José Marques e ao diretor de redação da revista, Germano de Oliveira, Mandetta analisou a crise sanitária do coronavírus falou sobre como o governo, do qual fez parte por 15 meses, tem enfrentado a doença. “O governo federal se rendeu ao vírus, se entregou, e deixou o Brasil a reboque da doença”, afirmou ele.

A matéria completa se encontra na IstoÉ.

Vídeo reproduzido diretamente do canal

Matéria e produção da Revista IstoÉ

%d blogueiros gostam disto: