Nov 23

O caixa dois, os picaretas e as quadrilhas

gen-paulo-chagasEm 2012, durante o julgamento do “Mensalão”, a Ministra Cármen Lúcia afirmou: “Acho estranho e muito grave que alguém diga, com toda tranquilidade, que ‘ora, houve caixa dois’ (…) como se fosse algo banal, tranquilo, que se afirma com singeleza. Caixa dois é crime; caixa dois é uma agressão à sociedade brasileira; caixa dois compromete, mesmo que tivesse sido isso, ou só isso; e isso não é só; e isso não é pouco! E dizer (…), parece-me, realmente, grave, porque fica parecendo que ilícito no Brasil pode ser praticado, confessado e tudo bem. E não é tudo bem, tudo bem é estar num país, num Estado de Direito, quando todo mundo cumpre a lei”.
Há algum tempo, Lula da Silva, o boquirroto, talvez sob efeito de alguma das suas cachaçadas, revelou ao Brasil a existência de 300 picaretas no Congresso Nacional.
Por que teria falado só em três centenas? Afinal, quem sabe contar e esconder dinheiro sabe contar bandidos e comparsas. Ou será que se referia só às quadrilhas adversárias?
Tudo é possível quando se trata de desonestidade institucional e disputa pelo butim.
Segundo as mídias, nesta 4ª Feira, 23 de novembro, o Presidente da Câmara (Coordenador Geral das Quadrilhas?), reunido com os Líderes dos Partidos (Chefes de Quadrilhas?) definirá se a Ministra Cármen Lúcia mentiu, “se acha”, ou é tão incompetente que não sabe o que seja “Caixa Dois”!
Seja lá como for, esta é a oportunidade para os brasileiros saberem quantos são, de fato, os picaretas e quantas quadrilhas há, de fato, na Câmara de Deputados.
Façam as suas apostas!!!
Gen Bda Paulo Chagas

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

%d bloggers like this: